Fadiga Pós-COVID 19

Desde o início da pandemia pelo novo coronavírus, muitos estudos têm sido publicados ao redor do mundo demonstrando a fadiga como um sintoma importante causado pelo Covid-19, tanto na fase aguda quanto na convalescência. Um estudo observacional chinês mostrou que a fadiga pode persistir por mais de 60 dias após a cura.

Pacientes que necessitaram de oxigênio e os que precisaram de internação em terapia intensiva apresentam mais fadiga na recuperação.

Além da fadiga, outros sintomas podem estar presentes na recuperação pós COVID como dispnéia, dor torácica e dores articulares. A abordagem desse paciente deve ser multidisplinar e a reabilitação apresenta papel importante no reestabelecimento funcional.

#respcor #fisioterapiarespiratoria #fisioterapiacardiovascular #covid19 #covid #coronavirus #drleonardoalves


175 visualizações

Posts recentes

Ver tudo